sábado, 26 de setembro de 2015

O STF NOS ASSUSTA

Por Almir Quites
26/09/2014

Operação Lava Jato é o nome de uma investigação realizada pela Polícia Federal do Brasil, desde março de 2014 , com o cumprimento de mais de uma centena de mandados de busca e apreensão, prisões temporárias, preventivas e conduções coercitivas, tendo como objetivo apurar um enorme esquema de lavagem de dinheiro. 



Esta operação é considerada, pela Polícia Federal, como a maior investigação de corrupção da história do Brasil e, como seria de esperar, todas as provas já coletadas apontam para uma enorme conspiração organizada por integrantes do atual governo federal. De acordo com as delações recebidas pela força-tarefa da Lava Jato, os partidos PP, PMDB e PT, mais dirigentes das empresas estatais e empresários foram beneficiados com o esquema. Roubaram e ainda roubam o Brasil! Descobriu-se que aqueles que detêm cargos públicos exigem polpudas propinas, que os empresários pagam para ganhar concorrências públicas. Assim as obras de governo se tornam superfaturadas. Resultado: quem é roubado é o povo, que paga a conta e sofre sem serviços públicos decentes.

A Operação Lava Jato já está famosa porque porque é eficaz e, como o nome sugere, "lava a jato".

Se a operação é eficaz, então o Supremo Tribunal Federal (STF) trata de quebrar seus braços e pernas. Em time que está ganhando, mexe-se para bagunçar tudo!

O STF está composto por militantes políticos. Em parte porque isto foi facilitado pela própria Constituição Federal, quando estabeleceu a forma de escolha dos ministros que o compõem. Todos os membros do STF são indicados por um só: o presidente. Isto reforça a predominância do poder executivo. Meliante na presidência, meliantes no STF! Dilma já nomeou 5 dos atuais 11 membros! Lula nomeou outros 4, FHC nomeou 1 e Sarney também 1.

Atualmente o STF é palco de embates próprios da política partidária. Este ativismo o levou rapidamente ao descrédito. O STF tem tido posturas autoritárias e invadido as atribuições do Congresso, ferindo a Constituição Federal, logo ele que deveria ser o guardião dela. 

Recentemente (17/09/2015) o STF decidiu que, a partir de agora, as Leis 9096 e 9504 são inconstitucionais. Isto depois de 20 e 18 anos de vigência, respectivamente. Exatamente como o PT queria, o STF julgou que as doações de empresas a partidos são proibidas pela Constituição Federal. O presidente atual do STF ainda informou que tais leis ofendiam "cláusulas pétreas" da Constituição. Nada mais desatinado, estapafúrdio! Leia aqui: 
CONFRANGIMENTO DO SUPREMO.
http://almirquites.blogspot.com.br/2015/09/vexame-do-supremo-tribunal.html
      
Nesta semana, quarta-feira (23/9/205), o plenário do STF decidiu, em julgamento de questão de ordem, nesta quarta-feira (23/9), fatiar as investigações da Lava Jato e tirou a exclusividade do juiz Sergio Moro de conduzir os processos, o qual ficará somente com as questões que se relacionem diretamente com os desvios financeiros da Petrobras. Fatiar para desintegrar!

A decisão do STF é suspeitosíssima, já que a pilhagem promovida pelo PT e seus cúmplices na Petrobras foi descoberta quando se investigava uma quadrilha de doleiros, especialistas em lavagem de dinheiro. Outros casos vieram na rede de pesca, como os desvios na Eletrobras, na Eletronuclear e também a contratação irregular de uma empresa pelo Ministério do Planejamento, então sob a chefia do ministro Paulo Bernardo, companheiro conjugal da senadora petista Gleisi Hoffmann. Esta empresa regou a horta da da senadora Gleisi com R$ 50 mil. Com o fatiamente da Operação Lava Jato, Gleisi escapou da jurisdição de Moro, o eficaz e admirado juiz do Paraná. A senadora foi blindada, mas o objetivo do golpe é muito maior que isso!

Segundo o procurador da República, Carlos Fernando dos Santos Lima, a recente decisão do STF sobre o caso ameaça toda a operação Lava Jato. Disse ele: “Pode significar o fim da Lava Jato tal qual conhecemos”. O temor do Procurador é que, a partir daí, a investigação sobre essa etapa e sobre outras que estão por vir — muitíssimo maiores em montante desviado — sejam remetidas para outra vara federal, até mesmo fora do Paraná, e deixem de ser conduzidas pela força-tarefa e pelos policiais federais da operação. Para o procurador, o momento é crucial e vai definir o escopo da investigação. Diz ele: “O que queremos mostrar é que não estamos investigando a Petrobras. Nós nem começamos a investigação por ela. Estamos desvelando a compra de apoio político-partidário pelo governo federal, por meio de propina institucionalizada nos órgãos públicos. Se não reconhecerem isso, vai ser um problema.

É óbvio que a decisão do STF teve motivação política, com o objetivo de obstruir a operação. Quem foi que iniciou este golpe dentro do STF? Foi O ministro José Antonio Dias Toffoli, aquele ministro de reputação iliçada e que, de notório, só tem o fato de ter sido advogado do PT e subchefe da área de Assuntos Jurídicos da Casa Civil da Presidência da República, durante a gestão de José Dirceu. Dias Toffoli foi indicado para membro do STF pelo ex-presidente Lula.

Além de retardar as novas etapas da investigações, o STF poderá vir a levantar questionamentos sobre a competência da força-tarefa e do próprio juiz federal Sérgio Moro, em relação aos desvios que não tenham ocorrido a partir da Petrobras. Por exemplo, as suspeitas contra o ex-deputado André Vargas (ex-presidente do PT) envolvem contratos do Ministério da Saúde e da CEF (Caixa Econômica Federal). 

Também há inquéritos sobre propinas da Eletronuclear e da BR Distribuidora

A boa notícia é que os juízes brasileiros ficaram indignados. Vejam aqui:
JUÍZES DO BRASIL REAGEM 

Vejam também a história completa do caso que mais assusta os cidadãos brasileiros.
A TEORIA TOFFOLI: como o STF retirou de Sergio Moro novos casos da Lava Jato
http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2015/09/teoria-toffoli-como-o-stf-retirou-de-sergio-moro-novos-casos-da-lava-jato.html

O momento é grave. O embate político de hoje afeta também as funções do judiciário.
FERVE O CALDEIRÃO NAJUSTIÇA BRASILEIRA!JUÍZES FEDERAISCRIMINAIS DEVOLVEM O “PITO”DE LEWANDOWSKI
http://cristalvox.com.br/2015/09/25/ferve-o-caldeirao-na-justica-brasileira-juizes-federais-criminais-devolvem-o-pito-de-lewandowski/

Nunca o Brasil precisou tanto de seus cidadãos para salvar as nossas instituições! 



A partidarização do STF

______________________________________________

Recomendação especial

DILMA: IMPEACHMENT, PEDIDOS NA INTERNET


Veja, no link acima, especialmente o artigo cujo título é

Há 16 anos, setores do PT pediam impeachment e governo acusava ‘golpe’

______________________________________________

Fatiamento coisa nenhuma,
o nome certo é trapaça!
====

______________________________________________

Vejam também:
Clique sobre o título.


__________________________________________________
"""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""
Aviso sobre comentários:
Comentários contra e a favor são bem vindos, mesmo que ácidos, desde que não contenham agressões gratuitas, meros xingamentos, racismos e outras variantes que desqualificam qualquer debatedor. Fundamentem suas opiniões e sejam bem-vindos.

Por favor, evite o anonimato! Escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. 
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
___________________________________________________________
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Busca pelo mês

Almir Quites

Seguir por e-mail

Wikipedia

Resultados da pesquisa