segunda-feira, 4 de abril de 2016

Há 14 anos no pico da imoralidade

Por Almir Quites - 03/04/2016


A Ação Penal n.º 470, instaurada no STF em 12 de novembro de 2007, hoje mais conhecida como Processo do Mensalão, está sendo desmoralizada aos poucos. O descrédito começou quando foram aceitos os Embargos Infringentes, beneficiando 12 dos 25 réus, com a reanálise de um dos crimes, a formação de quadrilha. Ora, que o crime era organizado já se tinha comprovado à exaustão. Por que os ministros do STF deram mais uma chance aos bandidos? Há o que investigar aí...

O Brasil perdeu a oportunidade de tomar um rumo mais sério, acabando com a impunidade daqueles poderosos que se beneficiam tanto em detrimento à qualidade de vida do povo. Naquele processo, o presidente Lula foi blindado. Além disso, não houve sequer uma citação à uma possível conexão com o crime político mais famoso do Brasil, ainda não decifrado, a morte de Celso Daniel, ex-prefeito de Santo André. O pior é que o mensalão, pelas penas leves que aplicou aos políticos, acabou se tornando um incentivo para os criminosos. José Dirceu, por exemplo, continuou a receber vultosa propina mesmo depois de condenado e preso. Por isso, foi pego agora na Operação Lava-Jato.

Recentemente o Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu indulto ao ex-deputado João Paulo Cunha (PT-SP), condenado no processo do mensalão por peculato e corrupção passiva. Com o benefício, ele não precisará mais cumprir o restante da pena de 6 anos e 4 meses de prisão. A decisão abriu caminho para que outros oito condenados do mensalão também recebessem o indulto, ficando totalmente livres da pena recebida. Foram eles: o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares; o ex-diretor do Banco Rural Vinícius Samarane; o advogado Rogério Tolentino; os ex-deputados Roberto Jefferson (PTB-RJ, o delator principal e o autor do nome "Mensalão"), Pedro Henry (PP-MT), Romeu Queiroz (PMB-MG), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e o Bispo Rodrigues (PR-RJ). 


Mas a luta dos jovens juizes e procuradores continua...


O publicitário e operador do mensalão Marcos Valério já havia contado, há anos atrás, que Ronan estava chantageando o Secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, para não envolver seu nome, nem de Lula e o do então ministro da Casa Civil, José Dirceu, na morte de Celso Daniel e nas suspeitas de corrupção do PT.


Deflagrada neste abril de 2016, a Operação Carbono 14, a 27ª fase da Lava-Jato, aprofundou-se nos pagamentos efetuados pelo PT para abafar o assassinato do prefeito de Santo André, Celso Daniel. Pelo menos metade de um empréstimo de R$ 12 milhões, concedido pelo banco Schahin ao pecuarista José Carlos Bumlai, tinha sido desviado para o empresário Ronan Maria Pinto, para blindar figurões do PT na investigação da morte do prefeito. Recentemente, os investigadores conseguiram provas de que esse dinheiro foi utilizado pelo empresário para comprar o jornal Diário do Grande ABC. O próximo passo da Lava-Jato poderá ser o de ouvir Marcos Valério, que denunciou o esquema montado por todos eles. A operação ainda quer confirmar se os R$ 6 milhões recebidos por Ronan estão relacionados ao assassinato de Celso Daniel, o que poderá levar à reabertura do caso.


Mais que simples suspeita, por causa dos indícios e das estranhas coincidências, o que era sabido vai ser comprovado agora!


O PT chegou ao extremo da corrupção e da criminalidade há 14 anos atrás, como a fase Carbono 14 da Operação Lava-Jato vai comprovar e o Processo do Mensalão não se atreveu. Foi quando o prefeito Celso Daniel foi torturado e assassinado com 13 tiros, em janeiro de 2002. Com uma campanha regada com recursos financeiros criminosamente desviados de órgãos públicos, o PT (n° 13) ganhou as eleições presidenciais daquele ano e governa o Brasil há 13 anos, desde 2003. O assassinato de Celso Daniel demarca o início da dominação e destruição do Brasil pelo PT.


O inquérito da Polícia Civil sobre a morte foi encerrado em 1º de abril de 2002 com a afirmação que Celso Daniel fora "sequestrado por engano" (!!!). Agora, 14 anos depois, foi deflagrada a fase da Operação Lava-Jato, denominada Carbono 14. É uma nova esperança de passar a limpo este caso do passado.


Convido o leitor a ler o seguinte artigo,  publicado em setembro do ano passado:
SÃO 13 ANOS DE ILUSÃO E DESPERDÍCIO
http://almirquites.blogspot.com.br/2015/09/sao-13-anos-de-ilusao-e-desperdicio.html

O PT vem sistematicamente aparelhando os órgãos do Estado, nem o Judiciário escapa. É contra isso que os jovens juízes e procuradores do Ministério Público se rebelam. Eles vem sendo boicotados há mais de uma década. 


Como podem alguns fechar os olhos a isso e afirmar solenemente que as Instituições brasileiras estão funcionando bem. Em qualquer organismo complexo, basta que um único órgão funcione mal para que o todo sofra ou desande de vez.


O Judiciário funciona mal, como demonstra o seguinte artigo:

Caso Celso Daniel, o surrealismo da justica brasileira
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/caso-celso-daniel-o-surrealismo-da-justica-brasileira-e-estupefaciente/

As Instituições brasileiras funcionam tão mal que um "Criminoso Projeto de Poder", como este do PT, prosperou, criou fantasias, iludiu os brasileiros, infelicitou o povo e arrasou a economia até não ser mais possível tapar o sol com a peneira. 


Há mais de uma geração o povo vê a política como teatro, um jogo de cenas irresponsável. 
A CRISE E A TEATRALIZAÇÃO DA POLÍTICA

É preciso começar de novo, reconstruir o Brasil.


______________________________


MARA GABRILLI APONTA LULA COMO MANDANTE
DO ASSASSINATO DE CELSO DANIEL

====


Mara Gabrilli fala sobre assassinato 
de Celso Daniel 
na TV Gazeta 

====


Leia mais:
Clique no título



__________________________________________
"""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""

Aviso sobre comentários:

Comentários contra e a favor são bem vindos, mesmo que ácidos, desde que não contenham agressões gratuitas, meros xingamentos, racismos e outras variantes que desqualificam qualquer debatedor. Fundamentem suas opiniões e sejam bem-vindos.

Por favor, evite o anonimato! Escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. 
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
___________________________________________________________
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Busca pelo mês

Almir Quites

Seguir por e-mail

Wikipedia

Resultados da pesquisa